Anúncios

sábado, 22 de julho de 2017

Windows 10 travou em Reparo automático. Como resolver

 

Windows 10 não inicia, travado com a mensagem Reparo Automático

Ao ligar o seu computador o Windows 10 se prepara para entrar no modo reparo automático e depois não consegue reparar o seu computador, ficando travado como na imagem acima ? 


Em 90% dos casos esse problema se deve a arquivos de drivers do Warsaw , que é um software de segurança desenvolvido pela GAS Tecnologia, muito usado por instituições bancárias como Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Itaú,etc.

Esse problema tem ocorrido em virtude das últimas atualizações do Windows, pois o Windows 10 impõe assinaturas de drivers e drivers que não contém essa assinatura digital da Microsoft ficam incompatíveis.

Você precisará desinstalá-lo, mas para isso você irá precisar do seu CD de instalação do Windows 10, ou caso não tenha, de algum CD de Recuperação do Windows 10. 


Desabilitando a Recuperação Automática no Windows 10

Você terá que reiniciar seu computador por um CD de instalação ou Recuperação do Windows. Para isso acesse as configurações de Setup da BIOS assim que seu computador ligar apertando a tecla DEL, ou F2 ou se não for nenhuma dessas, a definida pelo fabricante do seu computador ou notebook

Deverá aparecer uma tela azul parecida com essa da figura abaixo. Geralmente nas opções Bios Features Setup ou Advanced Bios Features. Ao acessar, configure a ordem de boot como primeiro boot o seu CD ou Pendrive



Com o CD de Instalação ou Recuperação ou Pendrive inserido, reinicie a máquina. Deverá aparecer a seguinte tela, clique em Reparar o computador



Logo depois irá aparecer algumas opções, escolha Opções Avançadas e depois Prompt de Comando

Digite o comando bcdedit /set {default} recoveryyenabled No  para desabilitar a Recuperação Automática e reinicie  o computador para entrar novamente no Modo de Recuperação, desta vez para excluir os arquivos de driver do Warsaw



Digite o seguinte comando dir drivers e dê um Enter para acessar a pasta drivers


Serão listados nesta pasta todos os arquivos de drivers instalados no Windows. Localize GBPddreg32.sys  se o seu sistema for de 32 bits ou GBPddreg64.sys se o seu sistema for de 64 bits


digite o comando del GBPddreg32.sys ou del GBPddreg64.sys para excluir o arquivo de driver do Warsaw. Agora o seu computador irá reiniciar normalmente.

Mas para que o problema não acontece novamente na próxima vez que você ligar o PC, será necessário você desinstalar o programa Warsaw lá em Adicionar ou Remover Programas

Desative a Imposição de Assinatura de Drivers

Desative também a imposição de Assinatura de Drivers para que esse problema não volte a acontecer depois de uma nova atualização do Windows 10 no que diz respeito a nova instalação do Warsaw ou qualquer outro sofware que contenha um driver que não possua Assinatura digital.


1- Clique no Menu  e clique em Configurações

2 - Clique em Atualização e Segurança

3 - Clique em Recuperação

4 - Clique em Reiniciar Agora em Inicialização Avançada

5 - Clique em Solução de Problemas

6 - Clique em Opções Avançadas

7 - Clique em Configurações de Inicialização

8 - Clique em Reiniciar

9 - Ao iniciar pressione 7 ou F7 para desativar a imposição de assinatura de drivers





sábado, 15 de julho de 2017

Planilhas feitas no Excel Office 2010 não abre no Excel Office 2016

 

Problemas de Incompatibilidades- Office 2010 X Office 2016











Abriu uma Planilha feita no Excel ou um Arquivo de texto feito no Word em outro computador e ele apresentou comportamentos estranhos como falta de fórmulas,dados ou problemas com formatação ? 

Isso pode ser problemas de incompatibilidades entre as diferentes versões da suíte de escritório da Microsoft ao abrir versões anteriores da suíte de escritório Microsoft Office em versões posteriores. Por exemplo, abrir uma planilha feita no Excel 2010 no Excel 2016.

Baixa e Execute as Atualizações do Microsoft Office 2016

Antes de mais nada baixe e aplique as atualizações para o pacote Office 2016. Pode ser que com apenas essa medida o seu problema seja resolvido.

Abra o seu Excel, clique em Arquivo e depois em Conta

Em Opções de Atualização escolha Atualizar Agora para o download e a execução




Desabilite o Modo de Compatibilidade do Office

Para isso siga os passos abaixo

1 - Digite Excel na Barra de Pesquisas

2 - Clique com o botão direito do mouse sobre o resultado da busca e no menu que aparecer clique em Abrir local de arquivo

 

3 - Clique com o botão direito no ícone do Excel e depois clique em Propriedades





4 - Vá até a aba Compatibilidade


5 - Desmarque a Opção Executar este programa em modo de compatibilidade e de OK


Faça isso em todos os softwares da suíte de escritório Microsoft Office ( Excel, Word, Power Point,etc)



Desabilitando as Opções de Confiabilidade

Abra o seu Excel 2016 e clique na aba Arquivo e escolha no menu à esquerda Opções


Na janela que se abriu clique no menu à esquerda em Central de Confiabilidade e depois no botão Configurações da Central de Confiabilidade


No próximo menu que irá abrir, nas opções do lado esquerdo escolha Configurações de Bloqueio de Arquivo


Nas várias opções de arquivos apresentadas, desmarque todas elas



Na mesma tela, do lado esquerdo clique em Modo de Exibição Protegido e desmarque as três opções caso estejam marcadas e dê OK



Edite a chave de Registro do Excel

Para isso você terá que abrir o Editor de Registros do Windows, o Regedit


Digite Regedit na barra de pesquisa e clique sobre o resultado





















Navegue pela Árvore de pastas até

HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Office\16.0\Excel

Clique com o botão direito sobre a pasta Excel e dê Renomear. Renomei-a para Excel.old



Feche o Editor de Registro do Windows



quarta-feira, 5 de julho de 2017

Dicas que Funcionam ! Como Deixar seu Windows 10 mais rápido

 

Como Deixar o seu Windows 10 mais rápido.Dicas que realmente Funcionam !














Existem várias dicas espalhadas por aí na internet de como melhorar o desempenho do Windows 10, mas infelizmente a maioria não funciona como deveria.

Resolvi fazer uma "apanhado" de várias dicas de como deixar o seu Windows 10 mais rápido tanto na inicialização como no seu uso.

Vamos lá

1 - Desinstale Programas Desnecessários ou que você use pouco !

Essa dica é velha mas ainda funciona com todos os Windows até hoje: Não fique instalando vários programas no seu pc sendo que você não irá usar eles com frequencia.

Você pode pensar " Porque eu deveria fazer isso ? Afinal o meu HD tem 500 Gb ou mais...não irá fazer diferença alguma "

Convém lembrar que não é problema nenhum ter vários softwares instalados no seu computador, desde que ele possua uma configuração boa, ou seja, uma boa placa de vídeo, mais de 6 Gb de memória RAM, um bom processador, um HD SSD ( o chamado Hard Disk elétrico ), e por aí vai.

Agora se o seu computador é um pouco mais limitado, irá fazer diferençca sim ter vários programas instalados no seu windows.Pode sim comprometer a velocidade de processamento de seu pc ou notebook.A explicação é bem técnica mas vamos resumir que muitos programas criam registros para que o Windows possa executá-los a qualquer momento e vários programas quando instalados ficam rodando em segundo plano ou iniciam quando o Windows é carregado, além de instalarem milhares de arquivos.E isso tudo compromete a capacidade de memória e do seu processador de seu computador.

Uma boa dica é gravar o arquivo executável, o instalador do programa, em um pendrive ou HD Externo.Assim você instala o software quando precisar e logo depois desinstala. Dá um certo trabalho mas é bem melhor do que ficar "enchendo" o seu computador de coisas desnecessárias.

Existem várias maneiras de desinstalar programas no Windows 10, mas uma das maneiras que considero mais fáceis é simplesmente digitando remover programas na barra de pesquisa, que fica ao lado do botão iniciar

Basta selecionar o Programa que deseja remover e clicar no Botão Desinstalar


2 - Personalizando o seu Windows 10

Aqui vale o ditado: " Beleza não põe mesa !" Se você quer uma interface bonita,cheia de efeitos visuais, saiba que isso também consome recursos computacionais. Não precisa deixar o seu Windows 10 horroroso, mas com algumas personalizações você deixa o seu sistema operacional ainda bonito e o melhor: mais leve ainda !

Aperte a tecla windows +  I (letra i ) para abrir a janela Configurações
 Clique em Personalização

Depois Clique em Cores


Desmarque as opções 
Escolher Automaticamente uma cor de destaque em minha tela de fundo
Deixar o Menu Iniciar, Barra de Tarefas e Central de Ações Transparentes



Nessa mesma janela clique em Tela de Fundo e deixe a opção marcada como Imagem, pois se você escolher Apresentação de Slides, mais recurso de processamento será exigido do seu computador para as trocas de imagens de fundo


Depois clique na opção Tela de Bloqueio. escolha Imagem para a Tela de fundo e desative a opção Receba fatos divertidos, dicas, truques e muito mais na tela de bloqueio se estiver ativada. Desmarcando essa opção você ganha mais tempo na inicialização do Windows 10


Agora volte a tela de Configurações e escolha a opção Privacidade


Na guia Geral em Privacidade, desative a primeira, terceira,quarta,quinta e sexta opções. Como na figura abaixo





domingo, 11 de junho de 2017

Wordpress pedindo credenciais FTP. Como resolver ?

 

Wordpress pedindo Usuário e Senha do servidor FTP no localhost e servidor web externo.

Esse dica vai pra você que é Desenvolvedor Web e tá quebrando a cabeça com um problema que ocorre logo após a instalação da plataforma WordPress. Você vai começar a escolher um tema para personalizar ou instalar um Plugin e o WordPress fica pedindo as credencias de senhas do seu servidor de FTP.

No Windows é mais raro de acontecer, mas no Linux...ah ! o Linux e suas permissões, é de dar nos nervos !!! Mas é o preço a pagar por se ter uma sistema operacional bem mais seguro que o Windows saco de vírus hehe.


Vamos lá para as soluções:


Inserir as informações de seu Servidor FTP no arquivo wp-config.php


O óbvio né. Você precisa informar ao Wordpress instalado no seu servidor web externo as configurações do outro servidor, o FTP. Pra quem não sabe, o protocolo FTP é responsável pelo envio e recebimento de arquivos na internet.

abra o seu arquivo wp-config.php que fica lá no diretório var/www/html/wordpress

No terminal digite ( como sudo )

OBs: Antes, certifique-se de ter o editor Gedit instalado, senão instale ele ou use outro editor de texto. Mas se quiser o Gedit instalado, digite o comando sudo apt-get install gedit

Com o Gedit já instalado, digite no terminal a linha abaixo.

sudo gedit /var/www/html/wordpress/wp-config.php

No arquivo que abrir, digite as seguintes linhas em qualquer lugar


define('FTP_USER', 'meu_usuario');

define('FTP_PASS', 'minha_senha');

define('FTP_HOST', 'ftp.meuservidor.com.br');






Salve e feche. Esse solução é geralmente usada para quando o seu site feito no Wordpress já está hospedado num servidor web externo. Quando o problema ocorre na sua máquina local, o localhost, a solução é a próxima abaixo


Resolvendo problema do usuário e senha FTP do WordPress no Localhost

Essa dica é pra quem tá desenvolvendo o site localmente, na sua máquina ainda e não fez o Upload dos arquivos para o seu servidor web.

Através de seu navegador de arquivos do Linux ( Nautilus, Konqueror, Dolphin, Thunar,etc.) vá até a pasta wordpress, ela estará dentro da pasta html se você não descompactou-a todos os arquivos dela na pasta html. o caminho é var/www/html/

Clique com o botão direito sobre a pasta wordpress depois clique em Propriedades  e na janela que aparecer clique em Permissões. Anote o nome do proprietário, geralmente é www-data




Agora abra o Terminal e digite para alterar as permissões do usuário da pasta :

sudo chown www-data:www-data /var/www/html/wordpress/ -R



Talvez precise reiniciar o seu servidor apache

sudo /etc/init.d/apache2 restart



terça-feira, 16 de maio de 2017

Atualizações de Todos Windows contra o vírus WannaCry

 

Downloads das Atualizações do Windows contra o vírus WannaCry

Bem, se voce não está sabendo, nos últimos dias está ocorrendo um ataque virtual em escala mundial, onde hackers podem sequestrar virtualmente o seu computador e exigir o pagamento em dinheiro para o seu "resgate".

Isso está sendo possível graças a uma falha no Windows que permite que um ransomware, chamado de WannaCry, uma espécie de vírus de computador, criptografe o seu disco rígido. Em outras palavras, o ransomware "trava" o seu HD, onde a senha para liberá-lo será feita depois do pagamento. Ou você paga, ou terá que na melhor das hipóteses Formatar o seu HD, perdendo todos os dados que estavam nele.



Há alguns dias atrás, a Microsoft liberou o download das atualizações para a correção dessa falha que permite a infecção pela ransomware WannaCry. Segue abaixo os links para Download de todas as versões do Windows



Para o Windows XP Service Pack 3





domingo, 14 de maio de 2017

Instalando Módulo de Segurança da CEF no Fedora 25 Linux

 

Como Instalar o módulo de segurança da CEF no Fedora 25 Linux

Como se sabe a empresa GAS de Tecnologia é a responsável pelo desenvolvimento do software Warsaw , usado por muitas instituições bancárias para criptografar os dados de seus clientes.

Bem, e uma das instituições bancárias que utilizam tal programa é a Caixa Econômica Federal. A instalação no Banco do Brasil é tranquila pois o mesmo no seu site disponibiliza pacotes RPM para o Fedora. 




Para as distribuições baseadas no Debian como o Ubuntu por exemplo, existem os pacotes .deb disponibilizados pelo site da CEF, sem muitas dificuldades para a instalação.

Já no Fedora, não existe essa possibilidade. Mas com alguns passos você consegue usar o pacote RPM do módulo de segurança disponibilizado para o BB, como módulo de segurança da CEF. Uma pequena "gambiarra" rs


1 - Instale as dependências necessárias 

Instalando as dependências necessárias para o pacote do módulo de segurança

sudo dnf install -y openssl openssl openssl-libs openssl-devel nss-tools libcurl dbus-libs dbus-devel


2 - Baixe o instalador do Software Warsaw, o pacote RPM


Dê o comando uname -m no Terminal para saber se a arquitetura de seu computador é de 32 bits ou 64 bits
Digite no Terminal

uname -m

Se o seu sistema for de 32 bits ( i386 ) Baixe o pacote RPM abaixo

https://cloud.gastecnologia.com.br/bb/downloads/ws/warsaw_setup.rpm

Se o seu sistema for de 64 bits Baixe o pacote RPM abaixo

https://cloud.gastecnologia.com.br/bb/downloads/ws/warsaw_setup64.rpm


3 - Instale o pacote RPM Warsaw

Digite o comando abaixo no terminal para 32 bits. Vai ser pedido sua senha de root

sudo rpm -ivh warsaw_setup.rpm --nodeps --replacefiles

Digite o comando abaixo no terminal para 64 bits. 

sudo rpm -ivh warsaw_setup64.rpm --nodeps --replacefiles


Caso na instalação o arquivo warsaw não tenha sido copiado para o diretório /etc/rc.d/init.d/   faça a cópia do arquivo warsaw que está no diretório /etc/init.d para o diretório citado acima.


4 - Iniciando o serviço

Para rodar o Warsaw, digite o comando abaixo como root

dê o comando sudo su  no terminal. Será pedido a sua senha de root, digite-a

Agora digite o comando abaixo para iniciar o serviço

/etc/init.d/warsaw start


Agora você pode acessar o seu internet bankink da Caixa Econômica Federal no seu sistema Fedora Linux




domingo, 30 de abril de 2017

Como instalar o LAMP no Fedora

 

Instalando o LAMP ( Linux + Apache + MySql + PHP ) no Fedora 25

  Se você é programador na linguagem PHP e usa a distribuição Linux Fedora já percebeu que não tem um pacote Lamp para instalar juntos o servidor web Apache, o banco de dados MySql, o interpretador do PHP e o Administrador de bancos de dados PhpMySqlAdmin como em outras distribuições como o Ubuntu por exemplo.



Em distribuições como o Fedora, por exemplo, teremos que instalar cada um separadamente, e de preferência no bom e velho terminal, na "unha" mesmo hehe.

Vamos lá

1 - Instalando o Servidor Web Apache

Abra o Terminal e digite ( como root )

sudo yum install httpd  

Logo depois será pedido sua senha, digite-a para começar a instalação via terminal

Ao final da instalação, inicie o servidor Apache com o comando abaixo:

sudo service httpd start 


Digite na barra de endereço de seu navegador

http://localhost ou http://127.0.0.1

Deverá abrir uma página parecida com a debaixo





2 - Instalando o Maria DB

O MariaDB é um fork do MySql e funciona exatamente como o MySQL.Não se preocupe,todos os comandos, interfaces, bibliotecas e APIs que existem no MySQL também existem no MariaDB

Para instalar o MariaDB digite o comando abaixo como root :

dnf install mariadb mariadb-server -y

Ativando o Maria DB na inicialização do Fedora

systemctl enable mariadb.service

Inicie o MariaDB digitando :

systemctl start mariadb.service  


OBS:.. Por padrão o MariaDB irá instalar a conta de root com a senha em branco,Vamos atribuir uma senha ao usuário root depois que instalarmos o PhpMyAdmin para as coisas ficarem mais fáceis

WebLink Hospedagem de Sites

3 - Instalando o PHP

Vamos agora instalar o PHP digitando o seguinte comando abaixo, como root (sudo)

sudo yum install php libzip php-cli php-common php-pdo 

Faça algumas pequenas alterações no arquivo php.ini para um melhor funcionamento. Digite no terminal o comando abaixo 

sudo nano /etc/php.ini 

Localize display_errors = Off e substitua por display_errors = On

Localize hort_open_tag = Off e substitua por hort_open_tag = On

Dê Ctrl + O depois Enter e Ctrl + X para sair do editor nano

Reinicie o servidor Apache com o comando abaixo

 service httpd restart 

Agora iremos testar para saber se o PHP foi mesmo instalado. Abra um editor de texto simples e digite o código abaixo, salve como info.php dentro da pasta /var/www/html/

<?php
phpinfo();
?>

OBS: Não esqueça de alterar as permissões da pasta html com o comando chmod 

 Depois digite na Barra de Endereço de seu navegador

http://localhost/info.php   ou http://127.0.0.1/info.php

Deverá aparecer a seguinte tela




4 - Instalar o pacote PHP-MySql 

Para que o PHP funcione com o MySql, é necessário o pacote php-mysql. Rode o comando abaixo para localizar o pacote

sudo yum search php 

O comando acima irá localizar todos os módulos do PHP, procure o módulo que faça referência ao php-mysql, como na figura abaixo 
 



Localizado o módulo php-mysql, dê o comando abaixo

sudo yum -y install php-mysqlnd.x86_64  


Instalando mais alguns módulos PHP importantes para desenvolvimento 

sudo yum -y install php-gd php-ldap php-odbc php-pear php-xml php-xmlrpc php-mbstring php-snmp php-soap curl curl-devel  


5 - Instalando o PhpMyAdmin 

Digite no terminal como root (sudo)

sudo yum install phpMyAdmin  


Agora iremos atribuir uma nova senha ao superusuário root, uma vez que o MariaDB na sua instalação atribui uma senha em branco, e você precisará mudá-la para conseguir acessar o painel de administração do PhpMyAdmin.

Para atribuir uma nova senha ao usuário root do MariaDB digite

mysqladmin -u root password 'NOVASENHA'  

Reinicie novamente o servidor web Apache

 service httpd restart 


Agora você pode acessar o painel do phpmyadmin digitando na barra de endereço de seu navegador

http://localhost/phpmyadmin