sábado, 16 de setembro de 2017

Como mudar de Rede Privada para Rede Pública

 

Você está tentando acessar, por exemplo, uma impressora disponibilizada pela rede mas não está conseguindo ? Pode ser que no seu computador, lá em Central de Redes e Compartilhamento, a sua rede esteja configurada como Rede Privada

Verificando se a sua Rede está configurada como Rede Privada ou Pública

Clique com o botão direito sobre o ícone de sua rede ( seja ela local ou wifi ), depois clique em Abrir a Central de Rede e Compartilhamento



Verifique se abaixo de Exibir redes ativas se a sua rede está como Privada


Agora iremos trocar para Rede Pública, só que essa opção você não irá encontrar no Windows, teremos que fazer isso editando a chave de registro do Windows, através do Editor de registros, o Regedit

Digite na lupa de registro a palavra regedit e clique sobre o resultado para abrir o regedit

Com o regedit aberto, clique em HEY_LOCAL_MACHINE


Clique em SOFTWARE para expandir


Clique em Microsoft 


Role para baixo e clique em Windows NT



Clique em CurrentVersion para expandir


Navegue para NetworkList , depois em Profiles. Abaixo de Profiles irão aparecer pastas com nomes dentro de chaves {  }. Vá clicando até encontrar aquela que corresponda ao nome de sua rede no campo ProfileName 



Dê um dupli clique em Category e coloque o valor 0 (zero) que é para Rede Pública ou valor 1 para Rede Privada



Dê OK e feche o Regedit. Reinicie para que as alterações surtam efeito, e depois verifique lá em Central de Redes e Compartilhamento se a alteração para Rede Pública foi efetuada






quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Hospedagens Gratuitas de sites ou blogs

 


Tá precisando realizar alguns testes no seu projeto ou mesmo a grana tá curta pra manter a hospedagem do seu site ou blog ? Já pensou numa Hospedagem Free ?

Existem vários servidores web de hospedagem de sites, inclusive muitos não deixam nada a desejar aos pagos. Inclusive no quesito exibição de propagandas e banners de publicidades.

Um dos únicos inconvenientes é ainda um nome de domínio profissional, tipo .com ou .Com.br ...mas pelo menos você irá economizar com o serviço de hospedagem

Vamos lá a listagem abaixo

Blogger

Esse é bem conhecido. O serviço de criação de blogs da Google


Oferece 15 Gb de espaço de armazenamento e em poucos minutos sem saber nada de programação ou construção de sites você constrói um blog, bem básico, mas consegue.

Se tiver um bom conhecimento em linguagens como HTML, CSS, PHP consegue melhorar em muito a experiência com o Blogger, como configurações de temas e widgets.

Vantagens : É um serviço da gigante Google, portanto as Ferramentas de Web Master já vem integradas como Estatísticas do site por exemplo. Não apresenta banners nem propagandas, totalmente limpo.

Desvantagens : Como a maioria das hospedagens gratuitas, não apresenta um domínio amigável. seu site ou blog terá um domínio como www.seublog.blogspot.com.br 

WordPress

A plataforma mais utilizada na construção de sites e blogs


Convém lembrar que o WordPress existem duas "versões" : o WordPress.com onde você pode construir um Blog ou site de maneira bem fácil, ao estilo do Blogger, mas sem acrescentar muitas funcionalidades, os famosos plugins do WordPress.org

Vantagens : Muitos temas ! uma infinidade ! no WordPress o seu site fica com aquela "cara" de site ou blog profissional, e com alguns cliques você pode personalizá-lo ao seu gosto através de seu Painel de Controle

Desvantagens : mais uma vez, como no Blogger, um nome de domínio pouco amigável. Algo como www.seusite.wordpress.com. E também a ausência de instalação de plugins.

Já a outra "versão"do WordPress, o WordPress.org, conta com os mesmo recursos e facilidades em construir um belo blog ou site mais a possibilidade de instalar vários plugins, onde você pode tornar o seu site ou blog totalmente interativo com o seu público.

A grande desvantagem dessa "versão" é que você não dispõe de uma hospedagem gratuita como no wordpress.com, você terá que instalar seu projeto feito no WordPress.org em um outro servidor de hospedagem. Aqui mesmo iremos apresentar uns free que suportem o Wordpress

Tanto o Blogger como o WordPress na verdade não são "servidores de hospedagem"  e sim ferramentas para que qualquer um, com um mínimo de conhecimento, possam construir seus blogs. Mas nada impede que você registre um domínio .com ou .com.br, ou qualquer outro e direcione para os seus sites ou blogs que estão no Blogger ou WordPress...inclusive muitos blogs fazem isso se você observar, até blogs considerados grandes.

Hostinger



Servidor de Hospedagem brasileiro. No plano gratuito você conta com 1 Gb de espaço, tráfego de dados ilimitado, suporte total a linguagem de programação PHP, banco de dados MySql, painel de administração CPanel e WordPress grátis. E tudo isso sem anúncios ou publicidades inseridos no seu site

Desvantagem : Pode acreditar ! se o seu site ou blog "crescer", o espaço de 1Gb será pouco e logo você terá que migrar para um plano pago. Bem, a vantagem que isso é bem fácil e você pode fazer pela Hostinger mesmo


000WebHost.com


Quando se fala em Hospedagem gratuita de PHP a 000Webhost sempre é lembrada. Com 1,5 Gb de espaço para o seu blog ou site e 100 Gb de tráfego mensal, além do excelente painel de administração CPanel para o seu site ou blog feito em WordPress, com suporte total a PHP e MySql. E o que é melhor: totalmente sem banners ou anúncios de publicidade

ATSPACE


Outra boa hospedagem gratuita em PHP com instalador WordPress e Joomla, Servidor de E-mail gratuito, tráfego ilimitado e 1 Gb de espaço para o seu site ou blog. Sem anúncios ou propagandas inseridos no seu site ou blog.

FreeHosting




20 Gb de espaço , 200 Gb de espaço, conta de e-mail POP3, suporte a PHP 5, MySql. Com instaladores WordPress, Joomla. Com PhPMyAdmin para administrar seus bancos de dados.


Bem, se souberem mais de alguns, é só compartilhar nos comentários. Até mais !




sábado, 2 de setembro de 2017

Organizando a Biblioteca de imagens no WordPress

 

Uma dica boa e simples para aqueles que precisam construir e principalmente administrar sites ou blogs feitos com o CMS WordPress para a organização da Biblioteca de mídias, que na instalação padrão do Wordpress vem como se tudo estivesse "misturado". 

Infelizmente o pessoal do desenvolvimento WordPress ainda não prestou atenção para melhorar isso para o usuário.

É claro que se o seu site ou blog não for relativamente grande talvez esse dica não seja tão útil. Agora imagine se você tiver mais de 100 páginas ou posts no seu site ou blog e você precise atualizar uma imagem, ou um vídeo ? Com certeza você não irá ficar decorando o nome do arquivo e vai perder um bom tempo procurando ele em um monte de arquivos de imagens ou vídeos na Biblioteca de mídias do WordPress.

Felizmente existe uma solução para isso: A instalação do Plugin Enhanced Media Library





1 - Faça o Download do Plugin

Primeiro, faça o download do Plugin Enhanced Media Library no site do Wordpress.org





2 - Faça a instalação do Plugin Enhanced Media Library

Para isso, no seu Painel de Controle do WordPress vá em Plugins => Clique no botão Adicionar Novo

Em Instalar plugins, clique no botão Fazer upload do plugin para selecionar o arquivo que você fez o download para o seu computador



Depois de localizado o arquivo no seu computador, clique no botão Instalar agora para que o plugin seja instalado.




Clique em Ativar plugin




Hospedagem Gratuita PHP/MySql
Web hosting

2 - Utilizando o Plugin Enhanced Media Library

Agora iremos usar o plugin.Para isso clique em Mídia no seu Painel de Controle do WordPress e logo abaixo clique em Media Categories, para começar a configurar o seu plugin
Vamos criar uma categoria chamada Emprego como exemplo




Clique no botão Add New Media Category para criar a categoria Emprego




Depois vá novamente em Biblioteca para que sejam visualizadas suas mídias, aqui no caso estaremos usando arquivos de imagens. Selecione o arquivo desejado e vincule a categoria que você criou, aqui no exemplo Emprego




Pronto ! Agora a sua Biblioteca de Mídia está mais organizada e você não irá mais perder muito tempo procurando seu arquivo desejado em meio a milhares de arquivos de mídia. 

Se por exemplo você quiser modificar alguma imagem em seu site ou blog que se refere ao tema Emprego, é só procurar na caixa de seleção na Biblioteca de Mídia do WordPress a categoria Emprego que serão listadas todos os arquivos de mídia que você categorizou como Emprego.

Faça o mesmo passo para criar outras categorias que quiser para vincular aos seus arquivos de imagem,vídeos,etc.


Segue abaixo um vídeo tutorial dos desenvolvedores do plugin bem explicativo, caso você ainda tenha dúvidas



sábado, 29 de julho de 2017

Instalando o Python no Windows

 


Se você já é um Programador iniciante ou mesmo avançado e quer aprender uma nova linguagem de programação, saiba que Python é a "queridinha" da vez por inúmeras vantagens, mas se tivesse que escolher uma certamente seria a facilidade de aprendizado, principalmente para programadores iniciantes.







Aliás, esqueci de mencionar um motivo melhor ainda para você aprender Python : As empresas estão pagando Muito Bem para profissionais que dominam essa linguagem



Neste post iremos explicar como instalar o ambiente de desenvolvimento do Python no Windows.

Baixe o Instalador do Phyton

Acesse o site https://www.python.org/downloads/  e faça o download da última versão



Marque a opção Add Python 3.6 to PATH para que o instalador já configure o path pra você. Isso é necessário para que você rode o Python na linha de comando, o Prompt.


Clique em Install Now  e aguarde a instalação



Instalação de pacotes para o Python - o pip

Para se programar no Python é necessário instalar os seus pacotes. Desde a versão 2.7.9 o Python já vem com a biblioteca pip instalada por padrão, que administra os pacotes no Python.


Se você quiser verificar isso, ao abrir o Prompt, digite python -m ensurepip e dê um Enter. Se aparecer uma mensagem como na figura abaixo, o pip está instalado



Para atualizar o pip digite o seguinte comando no Prompt  python -m pip install -U pip



Pronto ! você já pode começar a programar nessa poderosa linguagem de programação

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Pendrive reduziu de tamanho. Como Resolver ?

 

Ao conectar o seu pendrive em seu computador ou notebook você percebe que o tamanho dele foi reduzido drasticamente a um tamanho como 544 kb, tornando assim impraticável copiar qualquer arquivo para ele.

Esse erro ocorre devido a alguma falha na formatação. Mas não precisa jogar fora o seu pendrive e comprar outro, com algumas linhas de comando no Prompt de comando você consegue recuperar o tamanho original de seu pendrive.


Figura abaixo de um Pendrive com tamanho Reduzido ( 284 KB )



Abra o Prompt de Comando

Digite cmd na barra de pesquisa. Clique com o botão direito sobre Prompt de Comando e escolha Executar como administrador







































Será aberto o Prompt de Comando. Utilizaremos uma excelente ferramenta de recuperação de discos que já vem no Windows, o Diskpart

Para isso digite no Prompt de Comando diskpart

Logo em seguida digite o comando list disk para listar os discos do seu computador

PS : Na Figura abaixo, note que nesse caso o pendrive é o Disco 1 pois dá para perceber isso pelo seu tamanho, que é de 7386 MB

Digite o comando para selecionar o disco 1. Digite select disk 1

Logo depois digite Clean para a limpeza do Disco 1

Agora digite o comando para criar uma partição no seu pendrive. Digite create partition primary

Depois digite active para ativar a partição recém-criada

Agora iremos formatar essa partição, para isso digite Format FS=Fat32 quick

Digite Assign para atribuir uma letra a unidade. Você pode digitar uma letra ou deixar que o sistema faça isso pra você.

Digite Exit para sair do diskpart e outro Exit para sair do Prompt de Comando





Vá em Computador ou lá no Explorador de arquivos e pastas do Windows, Dê um clique com o botão direito na letra correspondente ao seu pendrive e clique em Propriedades. Verifique se o tamanho de seu pendrive voltou ao tamanho que era antes.



sábado, 22 de julho de 2017

Windows 10 travou em Reparo automático. Como resolver

 

Windows 10 não inicia, travado com a mensagem Reparo Automático

Ao ligar o seu computador o Windows 10 se prepara para entrar no modo reparo automático e depois não consegue reparar o seu computador, ficando travado como na imagem acima ? 


Em 90% dos casos esse problema se deve a arquivos de drivers do Warsaw , que é um software de segurança desenvolvido pela GAS Tecnologia, muito usado por instituições bancárias como Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Itaú,etc.

Esse problema tem ocorrido em virtude das últimas atualizações do Windows, pois o Windows 10 impõe assinaturas de drivers e drivers que não contém essa assinatura digital da Microsoft ficam incompatíveis.

Você precisará desinstalá-lo, mas para isso você irá precisar do seu CD de instalação do Windows 10, ou caso não tenha, de algum CD de Recuperação do Windows 10. 


Desabilitando a Recuperação Automática no Windows 10

Você terá que reiniciar seu computador por um CD de instalação ou Recuperação do Windows. Para isso acesse as configurações de Setup da BIOS assim que seu computador ligar apertando a tecla DEL, ou F2 ou se não for nenhuma dessas, a definida pelo fabricante do seu computador ou notebook

Deverá aparecer uma tela azul parecida com essa da figura abaixo. Geralmente nas opções Bios Features Setup ou Advanced Bios Features. Ao acessar, configure a ordem de boot como primeiro boot o seu CD ou Pendrive



Com o CD de Instalação ou Recuperação ou Pendrive inserido, reinicie a máquina. Deverá aparecer a seguinte tela, clique em Reparar o computador



Logo depois irá aparecer algumas opções, escolha Opções Avançadas e depois Prompt de Comando

Digite o comando bcdedit /set {default} recoveryyenabled No  para desabilitar a Recuperação Automática e reinicie  o computador para entrar novamente no Modo de Recuperação, desta vez para excluir os arquivos de driver do Warsaw



Digite o seguinte comando dir drivers e dê um Enter para acessar a pasta drivers


Serão listados nesta pasta todos os arquivos de drivers instalados no Windows. Localize GBPddreg32.sys  se o seu sistema for de 32 bits ou GBPddreg64.sys se o seu sistema for de 64 bits


digite o comando del GBPddreg32.sys ou del GBPddreg64.sys para excluir o arquivo de driver do Warsaw. Agora o seu computador irá reiniciar normalmente.

Mas para que o problema não acontece novamente na próxima vez que você ligar o PC, será necessário você desinstalar o programa Warsaw lá em Adicionar ou Remover Programas

Desative a Imposição de Assinatura de Drivers

Desative também a imposição de Assinatura de Drivers para que esse problema não volte a acontecer depois de uma nova atualização do Windows 10 no que diz respeito a nova instalação do Warsaw ou qualquer outro sofware que contenha um driver que não possua Assinatura digital.


1- Clique no Menu  e clique em Configurações

2 - Clique em Atualização e Segurança

3 - Clique em Recuperação

4 - Clique em Reiniciar Agora em Inicialização Avançada

5 - Clique em Solução de Problemas

6 - Clique em Opções Avançadas

7 - Clique em Configurações de Inicialização

8 - Clique em Reiniciar

9 - Ao iniciar pressione 7 ou F7 para desativar a imposição de assinatura de drivers





sábado, 15 de julho de 2017

Planilhas feitas no Excel Office 2010 não abre no Excel Office 2016

 

Problemas de Incompatibilidades- Office 2010 X Office 2016











Abriu uma Planilha feita no Excel ou um Arquivo de texto feito no Word em outro computador e ele apresentou comportamentos estranhos como falta de fórmulas,dados ou problemas com formatação ? 

Isso pode ser problemas de incompatibilidades entre as diferentes versões da suíte de escritório da Microsoft ao abrir versões anteriores da suíte de escritório Microsoft Office em versões posteriores. Por exemplo, abrir uma planilha feita no Excel 2010 no Excel 2016.

Baixa e Execute as Atualizações do Microsoft Office 2016

Antes de mais nada baixe e aplique as atualizações para o pacote Office 2016. Pode ser que com apenas essa medida o seu problema seja resolvido.

Abra o seu Excel, clique em Arquivo e depois em Conta

Em Opções de Atualização escolha Atualizar Agora para o download e a execução




Desabilite o Modo de Compatibilidade do Office

Para isso siga os passos abaixo

1 - Digite Excel na Barra de Pesquisas

2 - Clique com o botão direito do mouse sobre o resultado da busca e no menu que aparecer clique em Abrir local de arquivo

 

3 - Clique com o botão direito no ícone do Excel e depois clique em Propriedades





4 - Vá até a aba Compatibilidade


5 - Desmarque a Opção Executar este programa em modo de compatibilidade e de OK


Faça isso em todos os softwares da suíte de escritório Microsoft Office ( Excel, Word, Power Point,etc)



Desabilitando as Opções de Confiabilidade

Abra o seu Excel 2016 e clique na aba Arquivo e escolha no menu à esquerda Opções


Na janela que se abriu clique no menu à esquerda em Central de Confiabilidade e depois no botão Configurações da Central de Confiabilidade


No próximo menu que irá abrir, nas opções do lado esquerdo escolha Configurações de Bloqueio de Arquivo


Nas várias opções de arquivos apresentadas, desmarque todas elas



Na mesma tela, do lado esquerdo clique em Modo de Exibição Protegido e desmarque as três opções caso estejam marcadas e dê OK



Edite a chave de Registro do Excel

Para isso você terá que abrir o Editor de Registros do Windows, o Regedit


Digite Regedit na barra de pesquisa e clique sobre o resultado





















Navegue pela Árvore de pastas até

HKEY_CURRENT_USER\Software\Microsoft\Office\16.0\Excel

Clique com o botão direito sobre a pasta Excel e dê Renomear. Renomei-a para Excel.old



Feche o Editor de Registro do Windows